O que é a maquiagem permanente

Começo dizendo que, provavelmente, nas disciplinas estéticas, incluindo a maquiagem permanente, não existe serviço mais rico de estereótipos. Existem muitos boatos infundados e ilógicos sobre a maquiagem permanente ou semipermanente, como preferir! Começando pelo nome: maquiagem permanente. Na verdade, tem quem pense que a maquiagem semipermanente seja diferente da maquiagem permanente, mas não é assim, de modo algum! A semipermanente não dura menos, como geralmente acreditam. Os dois termos nomeiam exatamente a mesma coisa. A definição, ou seja, “o que significa a maquiagem permanente”, é tecnica e formalmentea introdução mecânica de pigmentos bioreabsorvíveis na derme, através de uma agulha sem orifício.. Em outras palavras, a maquiagem permanente é como se fosse uma tatuagem clássica, só que é feita no rosto, com “cores” diferentes e por meio de equipamentos diferentes. Isso é tudo! Para verificar a minha afirmação, basta fazer uma pesquisa etimológica da palavra permanecer, e notará que o conceito de permanência não é sinônimo de eternidade ou, até mesmo, de algo infinito. A “permanência” é simplesmente um período de longa duração não especificado; o termo “semipermanente” não faz sentido, embora seja um dos termos mais procurados na internet! As palavras-chave “maquiagem permanente” é pesquisada no Google cerca de 20% a menos se comparado com a “maquiagem semipermanente”. Além disso, não existe o termo semipermanente no dicionário, visto que se trata de um termo arbitrário inventado pelas empresas no final dos anos 80: tal invenção tinha por objetivo aproximar mais pessoas ao mundo da maquiagem permanente, prometendo uma maquiagem permanente temporária! Mas, a experiência nos ensina que não funcionava assim. Ninguém pode dizer com certeza se aquela maquiagem permanente  desaparecerá ou não da pele.

Contrariando boatos e falsas crenças, a última coisa que gostaria que você compreendesse sobre a maquiagem permanente é que, hoje em dia, são muito raras as causas de alergia a essas cores! Atualmente, são empregados produtos altamente controlados e que seguem às normas vigentes. O nível técnico-qualitativo melhorou muito, portanto, ao dirigir-se a um profissional da área, num estabelecimento habilitado e autorizado pelo Ministério da Saúde, a pessoa poderá ficar tranquila e aproveitar as grandes vantagens que a maquiagem permanente oferece!

A quem é indicada

A maquiagem permanente não é indicada somente para quem tem “problemas” como perda de sobrancelhas e dos cílios, hipopigmentação nos lábios, pequenas cicatrizes derivadas de herpes, assimetria da boca e da sobrancelha, entre outros, mas pode ser indicada a todos que desejam um melhoramento estético, seja homens que mulheres! Por exemplo, eu tenho uma explêndida maquiagem na linha dos cílios que contorna os olhos e as pessoas se apercebem somente quando eu mostro! Enfim, a maquiagem permanente, se realizada pela pessoa certa, pode dar um toque a mais que fará com que você pareça ainda mais bonita/o do que já é. Quem não gostaria de ter sobrancelhas perfeitas, mas naturais, ou uma boca definida ou delicadamente destacada? Quem não deseja olhos mais penetrantes e um olhar mais intenso? Se você é um deles, não hesite em obter maiores informações, visitando todas as outras sessões do site: o blog “Maquiagem permantente”, as perguntas frequentes (FAQ), a galeria de imagens e, por fim, os contatos

Em que consiste

A sessão de maquiagem permanente se divide em três fases: A projetação, as linhas de referência e a realização. A sessão tem uma duração total de cerca duas horas.

Projetação. Utiliza-se um feltro estéril a fim de desenhar a forma da sobrancelha, da boca ou do contorno dos olhos que deseja realizar. Nessa fase, o operador (ou seja, eu) e o cliente (você) combinam como deverá ser a maquiagem permanente. Geramente, o operador faz uma proposta inicial sobre a qual pensar. Essa fase pode durar, até mesmo, uma hora! Ao final dessa fase e após ter avaliado o desenho atentamente no espelho, o cliente dá a sua aprovação e, desse modo, o operador prossegue com a importantíssima segunda fase da maquiagem permanente.

Linha de referência. O objetivo de todos os operadores deveria ser o de garantir a máxima correspondência entre o projeto e a maquiagem permanente final. Esse tipo de dificuldade pode ser superado fazendo uma passagem com o dermógrafo ao redor da projetação, utilizando uma cor clara e uma pressão moderada. Desse modo, cria-se o que, no jargão, se chama “contorno epidérmico”, ou seja, uma linha fina traçada exatamente sobre o perímetro da projetação. A essa altura, a projetação pode ser cancelada, sem ter receio de perder as referências exatas da forma que acabou de expor ao cliente. Assim que a linha zero for traçada, utiliza-se alguns produtos específicos para um tratamento de redução da dor.

Realização. Quando a zona perder toda a sensibilidade, será hora de iniciar a terceira e última fase da maquiagem permanente: a realização efetiva do trabalho. Por fim, aplica-se uma pasta lenitiva pós-tratamento e comunica-se ao cliente todas as indicações a serem seguidas para uma correta recuperação da dermopigmentação.

Ao final e nos dez dias seguintes ao tratamento de maquiagem definitiva, o resultado se mostrará mais escuro do que o foi decidido inicialmente mas, com a queda das “pelinhas” e com o fim da cicatrização, a cor final será aquela decidida com o operador antes do tratamento.

Maquiagem definitiva: Quanto dura o trabalho?

Como dito anteriormente, ninguém pode estabelecer a duração de execução de uma maquiagem definitiva. Depende de muitos fatores. A seguir, exponho os mais importantes:

O poder de fagocitose no indivíduo
A idade do indivíduo (fator que complementa o anterior)
O poder de cicatrização do cliente pós-tratamento
Conformação anatômica da cútis da pessoa
O tipo de pigmento aplicado na derme
A técnica manual empregada para a maquiagem permanente
Tempo de exposição da maquiagem permanente ao sol ou a lâmpadas de bronzeamento artificial
Ingestão de fármacos dos tipos anticoagulantes e cortisônicos

Devido aos fatores expostos, é difícil estabelecer um período indicativo no qual a maquiagem permanente se conservarásatisfatória. Tal período pode oscilar entre 8 e 12 meses. Se o desejo é que chegue aos 12 meses, é melhor considerar uma segunda sessão de reforço, que deverá ser efetuada cerca 50 dias após a primeira sessão de maquiagem permanente. Caso contrário, sem o reforço, é difícil chegar em boas condições, até mesmo, ao oitavo mês. Obviamente, saiba que o desaparecimento do pigmento subcutâneo é gradual: você não irá acordar de manhã e perceber que está sem a maquiagem permanente! Para que ocorra o desvanecimento total do trabalho, podem ser necessários de 2 a 5 anos. Embora o pigmento seja estudado para que seja reabsorvido por completo, pode acontecer que tal mecanismo não funcione e o trabalho  de maquiagem permanente deixe uma mancha pouco perceptível (quase invisível) na zona tratada. Mas, na grande maioria dos casos, a zona voltará a ser como antes do tratamento. O tempo total de desvanecimento da cor é maior para a boca e menor para as sobrancelhas e para o contorno dos olhos.

Em indivíduos com idade avançada, o desaparecimento da maquiagem permanente não é garantido, visto que a fagocitose (mecanismo de limpeza interna do corpo humano de substâncias estranhas) é muito lento.

Maquiagem permanente nos lábios

O que é

Geralmente, realizar a maquiagem permanente nos lábios é o que dá maior satisfação às mulheres acima dos 35 anos. O efeito que se pode alcançar não é, de forma alguma, artificial e carregado! Não pense na clássica linha escura de contorno labial! Aquela é uma maquiagem permanente dos lábios mal feita, ou melhor, muito mal feita! Uma boa maquiagem permanente na boca deve ser efetuada com pigmentos muito naturais e, por meio de novas técnicas, a cor pode ser espalhada a partir da linha labial em direção ao centro da boca, do mesmo modo como se aplica um lápis labial de maquiagem. O efeito final será muito natural e pouco chamativo, quase a ponto de não se notar onde termina a cor debaixo da pele e onde inicia a verdadeira mucose labial. Esse tratamento concede uma feminilidade e uma sofisticação notáveis. Ademais, efeitos de luz também podem ser aplicados, com pigmentos bege na parte externa da linha labial! Isso provocará um maior efeito de voluminosidade.

Para quê serve a maquiagem permanente?

A maquiagem permanente labial, além de ser um bom sistema para destacar a boca e dar maior ressalto à forma dos lábios, pode ser usado, também, para reajustar alguma assimetria decorrente de um vermelhão pouco simétrico ou de um arco de cupido não perfeito. Às vezes, a não simetria dos lábios pode ser o resultado de uma dentição irregular. Nas pessoas que sofrem de herpes, a maquiagem permanente pode ser a solução ao contorno labial irregular ou, em alguns casos, totalmente desbotado. Além disso, a tatuagem nos lábios é muito útil para quem é escravo do lápis. Além de um belo aspecto, esse tratamento oferece muita comodidade, evitando os desagradáveis lápis que se dissolvem e mancham. Às mulheres com algum problema de vista e, com a ajuda de um operador que a auxiliará na escolha, a maquiagem permanente permitirá desenhar a forma da boca de uma vez por todas.

Quanto dura uma maquiagem permanente?

Na tatuagem labial, a sessão de reforço, que deve ser efetuada cerca de 50 dias após a primeira sessão, tem uma importância fundamental. Além de reforçar o trabalho desenvolvido no primeiro encontro, o reforço será útil para dar o acabamento e para homogenizar o efeito esfumado em direção ao centro da boca. Isso porque, na tatuagem labial, são três os diferentes tecidos tratados: a derme, a mucose e a zona de transição ou vermelhão. Essas três condições diferentes provocarão três resultados diferentes, que deverão ser aperfeiçoados na segunda sessão. Muitas vezes, a segunda sessão serve para reajustar os danos provocados pela aparição de um herpes, por exemplo, que, após o tratamento irá, inevitavelmente, cancelar a cor introduzida abaixo da pele. Esse fenômeno poderia estragar a continuidade da linha do contorno dos lábios tatuado. Para maiores esclarecimentos sobre esse ponto, leia o artigo no blog: “O inimigo da maquiagem permanente nos lábios”.

Se, a essa altura, desejar marcar um horário e não sabe por onde começar, visite a página FAQ, através deste link: http://www.ennioorsini.com/pt-br/faq

Maquiagem permanente nas sobrancelhas

O que é

Na minha opinião, essa é a “rainha” de todas as maquiagens permanentes praticáveis em um rosto porque pode propiciar as “mudanças” mais bonitas e evidentes, num modo perfeitamente natural. Esqueça aquelas horríveis formas inaturais, altíssimas e escuras, que são vistas por aí. O que você precisa entender é que, atualmente, podem ser praticadas técnicas tridimensionais que recriam muito realisticamente o efeito de uma normal sobrancelha. Estou falando dos efeitos “fio a fio”. Veja alguns exemplos na galeria de fotos. Desenham-se pequenos riscos, levemente encurvados e na direção dos próprios pelos. Essas “linhas” são feitas de diferentes cores, tons mais claros e tons mais escuros, até criar algumas ilusões óticas que façam com que a maquiagem permanente se esconda otimamente entre os seus pelos existentes. O segredo é desenhar a nova forma não muito longe da forma original, de modo que se garanta uma correspondência exata entre o mimetismo do rosto e os estados de espírito do cliente.

Além da criação de um excelente novo arco da sobrancelha, pode-se efetuar um efeito de luz abaixo do ângulo externo da sobrancelha e ressaltar, assim, o chamado ponto de luz. Isso criará um fantástico aumento de luminosidade no olhar, abrindo o olho e salientando a linha inferior da sobrancelha. Excelente!

A quem é aconselhada a maquiagem permanente das sobrancelhas?

A tatuagem das sobrancelhas é indicada não somente às pessoas com afinamento dos fios das sobrancelhas mas, também, aos indivíduos afetados pela alopecia ou pelo albinismo. A pessoas com cicatrizes na sobrancelha ou com fortes assimetrias nos arcos das sobrancelhas. A pessoas com queimaduras ou, simplesmente, a pessoas que desejam ter sempre uma leve linha que os guie durante a depilação das próprias sobrancelhas com a pinça, de modo que evitem a possibilidade de errar, tirando mais pelos do que o necessário. Enfim, se for bem feito, esse é um tratamento que todas as pessoas podem usufruir: homens ou mulheres, jovens e menos jovens.

Quanto dura a maquiagem permanente na sobrancelha?

Infelizmente, a tatuagem nas sobrancelhas é a que tem a duração mais breve de todas. Aconselho fazer uma sessão de reforço após cerca de 50 dias. Imagine que você tenha que pintar uma parede: somente com a primeira demão não é possível obter uma cor uniforme. E, se continuar a trabalhar na primeira demão, causará somente um depósito da pior cor. Deve, absolutamente, esperar que a tinta se seque e, só assim, intervir com uma segunda demão de tinta. Somente dessa maneira, conseguirá obter uma cor homogênea e correspondente àquela escolhida! O mesmo se dá com as sobrancelhas, especialmente no que diz respeito às técnicas fio a fio, mais naturais, mas mais delicadas e difíceis de realizar. Após a sessão de reforço, sua sobrancelha poderá continuar satisfatória por mais 8 meses. Nesse caso, é muito provável que, após menos de 2 anos, a cor aplicada desapareça quase totalmente.

Quanto custa a maquiagem permanente nas sobrancelhas?

Para saber os custos da maquiagem permanente nas sobrancelhas, visite a página inerente. Os preços indicados nesta página referem-se à maquiagem permanente nas sobrancelhas efetuada no centro estético de Sulmona.

Maquiagem permanente na aréola mamária

O que é

A dermopigmentação da aréola é uma “parente” da maquiagem permanente. Este tratamento entra no mundo da dermopigmentação estética, também chamada paramedical.. De todas as dermopigmentações estéticas paramedicais, a mais praticada é, justamente, a da aréola. O motivo dessa predominância se dá porque, nos últimos anos, houve um notável aumento de cirurgias dos seios, seja por motivos ligados à retirada de tumores, bem como por motivos estéticos, de aumento ou redução do volume do seio: mastectomias e mamoplastias, respectivamente. Porém, toda cirurgia deixa uma cicatriz, e a maioria, ao redor da aréola: cicatrizes periareolares. A fim de camuflar essas cicatrizes, muitas vezes, utiliza-se colorantes de maquiagem permanente bioreabsorvíveis mas, em algumas situações, também podem ser utilizados colorantes definitivos (que permanecem para sempre). De qualquer maneira, a técnica é a mesma da maquiagem permanente: trata-se de fazer uma “tatuagem” especial, com técnicas e motivações diferentes da tatuagem artística ou da maquiagem permanente.

Em quais casos pode-se fazer uso

A dermopigmentação da aréola mamária pode ser executada para o aperfeiçoamento e para o retoque estético nos seguintes casos:

MAMOPLASTIA
MAMOPLASTIA DE AUMENTO
MAMOPLASTIA DE REDUÇÃO
MASTOPEXIA
GINECOMASTIA
MASTECTOMIA

As técnicas utilizadas na dermopigmentação da aréola mamária

Nos últimos anos, houve grandes progressos técnicos nesse campo. Há algum tempo atrás, as reconstruções das aréolas eram muito artificiais, feitas somente de um círculo plano e de preenchimento: efeito boneca inflável! Por outro lado, hoje, podem ser realizados trabalhos muito mais naturais e realísticos.

Assim que é feita, a aréola parece mais escura mas, após alguns dias, haverá um notável clareamento, criando um efeito muito mais natural.

Fases do trabalho

No tratamento da cicatriz sobre a aréola de tipo periareolar, se procede do seguinte modo: Na primeira fase, faz-se um tratamento para a redução da dor, com a aplicação de produtos específicos oclusivos. Após essa fase, o trabalho continuará sem que o cliente sinta grandes dores.

Depois, será hora de usar o dermógrafo para traçar uma primeira passagem sobre a cicatriz. Assim que for introduzida na pele, a cor parecerá muito mais escura do que deveria

Quando houver o clareamento, essa técnica resultará num retículo muito natural, evitando a interrupção de uma borda demasiadamente marcada e artificial.

Por fim, executa-se um sombreamento, a partir da parte externa até a parte interna, para que se possa fundir com a cor da aréola da cliente.

Quanto dura o trabalho

Noventa por cento desse tipo de operação são feitas com colorantes bioreabsorvíveis, portanto, são necessárias, pelo menos, duas sessões iniciais com, no mínimo, cinquenta dias de distância uma da outra. O tratamento mantém uma boa duração de quase um ano para, depois, ter que ser reforçado com uma nova sessão. Esse procedimento com pigmentos bioreabsorvíveis, aparentemente mais chato e incômodo, é o melhor porque permite adaptar a cor às variações que a aréola sofre com o passar do tempo e impede as mudanças da cor. Embora pareça mais conveniente executar o trabalho com cores definitivas, essa é a escolha mais arriscada porque os pigmentos presentes ao interno da preparação colorante podem se alterar com o tempo e modificar a cor da cobertura das cicatrizes no seio.

PARA MAIORES INFORMAÇÕES

Consulte o meu blog, na área específica “BLOG MAQUIAGEM PERMANENTE” onde publico, frequentemente, artigos de aprofundamento, curiosidades, exemplos de trabalhos e tantas outras informações relacionadas à tatuagem permanente.
Se quiser maiores explicações ou desejar marcar um horário e não sabe por onde iniciar, visite a página de perguntas frequentes (FAQ) através do seguinte link: http://www.ennioorsini.com/pt-br/faq


Warning: sizeof(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/baennioo/public_html/wp-content/plugins/bmo-expo/classes/theGallery.php on line 136